Escolha uma Página

A Netflix desembarcou aqui no Brasil em 2011 e a gente tende a conhecer brevemente a história da empresa deste ponto em diante. Mas o fato é que a empresa percorreu um caminho muito legal até os dias de hoje, com algumas mudanças importantes no seu modelo de negócios. 

A Netflix é um serviço de internet TV, focado em filmes e séries, onde os assinantes podem assistir tanto quanto eles querem, a qualquer hora, em qualquer lugar, em quase qualquer tela conectada à internet; podendo reproduzir, pausar e continuar assistindo, sem comerciais. Esse serviço já conta com mais de 62 milhões de assinantes (é como se fosse a população inteira da Itália) em 50 países.

Dividido em duas partes, eu conto nesses vídeos o case da Netflix, talvez um dos melhores cases do nosso tempo, que mostra como a empresa foi inovadora em diferentes momentos para oferecer cada vez mais valor em sua oferta para o cliente. Realmente uma fonte de inspiração e aprendizado sobre como estar atento às mudanças no ambiente e sobre se reinventar sem perder a essência.

Parte 1 

Parte 2

Se você assistiu ao dois vídeos, viu como a empresa foi impulsionando a sua proposta de valor ao evoluir o seu modelo de negócios. Agora a Netflix precisará continuar se reinventando à medida que enfrenta novos desafios, como por exemplo:

  • Levar mercados e consumidores conservadores a experimentar os serviços, a medida que avança globalmente;
  • Enfrentar a entrada de concorrentes por conteúdo mais preparados;
  • Ataques à serviços over the top, o que está ocorrendo especificamente no Brasil;
  • Enfrentar o crescimento de serviços piratas como o Pop Corn Time.

E, se você curtiu esse vídeo, deixe seu e-mail aqui do lado direito para assinar a newsletter e receber um novo post assim que sair.